Oi - Relações com Investidores Mobile

Rio de Janeiro, 10 de abril de 2017.

Comissão de Valores Mobiliários

At.: Sr. Fernando Soares Vieira
Superintendente de Relações com Empresas
Sr. Guilherme Rocha Lopes
Gerente de Acompanhamento de Empresas - 2

c/c

emissores@bvmf.com.br

Ref.: Ofício n° 133/2017/CVM/SEP/GEA-2
Solicitação de esclarecimentos sobre notícia.

Prezados Senhores,

Fazemos referência ao Ofício n° 133/2017/CVM/SEP/GEA-2 ("Ofício"), cuja cópia segue anexa, por meio do qual são solicitados à Oi S.A. - Em Recuperação Judicial ("Oi" ou "Companhia") esclarecimentos sobre a notícia veiculada em 07.04.2017 no jornal Valor Econômico, sob o título "Para sair de impasse, Oi vai negociar", para esclarecer o seguinte.

Em linha com os esclarecimentos prestados ao mercado nos Comunicados ao Mercado divulgados em 19/12/2016, 30/01/2017, 02/03/2017 e 31/03/2017, bem como no Fato Relevante de 22/03/2017, a Oi reitera que continua mantendo conversas com credores, potenciais investidores e demais stakeholders com relação ao seu plano de recuperação judicial e às condições básicas de ajustes aprovadas pelo Conselho de Administração da Companhia em 22/03/2017, sendo uma das sugestões abordadas nessas conversas uma eventual capitalização da Companhia mediante conversão de dívida ou aporte de recursos.

Contudo, a Oi esclarece que não foi tomada qualquer decisão com relação a outros possíveis ajustes ao plano de recuperação judicial, desde a reunião do Conselho de Administração da Companhia realizada em 22/03/2017, na qual foram aprovadas condições financeiras básicas como ajustes ao plano de recuperação judicial, conforme
divulgado ao mercado por meio de Fato Relevante da mesma data.

Os entendimentos com credores, potenciais investidores e demais stakeholders relativamente ao plano de recuperação judicial deverão se desenvolver até a realização
da assembleia de credores e pressupõe a realização de estudos e avaliações internas pela Companhia, com o objetivo de averiguar possíveis impactos e alternativas.

A Oi se coloca à disposição para outros esclarecimentos.

Atenciosamente,

Oi S.A. - Em Recuperação Judicial
Ricardo Malavazi Martins
Diretor de Finanças e de Relações com Investidores

Para acessar o PDF na íntegra, clique aqui.


Última Atualização: 11 de abril de 2017

COPYRIGHT (C) 2017 OI